Como fazer abdominoplastia 100% grátis

Nem todo mundo sabe, mas a cirurgia plástica abdominal pode ser realizada por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), neste artigo vamos explicar como fazê-lo.

Portanto, se você quiser saber como finalmente ter a barriga lisinha com um procedimento desejado como a abdominoplastia, sem precisar gastar nada, leia este artigo até o final e descubra. Veja!

Publicidade

Como realizar abdominoplastia pelo SUS em 2022

 1 ° Agende uma consulta no posto

Para as pessoas que desejam se submeter à cirurgia pelo SUS, o primeiro passo é marcar uma consulta para o método e avaliar se esse tipo de cirurgia pode ser realizada no seu caso.

Afinal, durante a consulta, você pode discutir sua situação específica com seu médico e se a abdominoplastia é a melhor.

Portanto, se o médico recomendar, você precisará entrar na lista para realização do procedimento que é feito de acordo com a lista de espera.

Aguardar o agendamento do procedimento

Após o término da consulta, a solicitação é encaminhada ao posto de saúde, que é então colocado na lista de espera para que a cirurgia plástica abdominal possa ser realizada com o cirurgião plástico.

Vale lembrar que sua posição na lista de espera pode ser conferida no próprio sistema do posto de saúde. Portanto, você pode verificar quando é sua vez, quando é realizada e os resultados.

Publicidade

Para não perder o agendamento da cirurgia, recomenda-se manter seu celular e e-mail atualizados, pois será através dele que o postinho irá te informar sobre o agendamento das próximas consultas pré-operatórias.

Onde as cirurgias costumam serem realizadas?

Todas as cirurgias plásticas costumam ser feitas em hospitais, escolas ou laboratórios de universidades que tem o aparato médico necessário. Assim, fique de olho em seu cadastro e verifique mais sobre essa cirurgia.

Como se inscrever para a cirurgia plástica pelo SUS?

Para uma avaliação completa do caso clínico, dirija-se ao posto de saúde mais próximo para marcar uma consulta.

Como fazer a abdominoplastia por convênio?

De uma forma geral, é necessária uma consulta médica com um cirurgião plástico que poderá verificar o caso clínico e verificar se o seu caso está de acordo com o prescrito pelo ROL da ANS,  pois é esta instituição que regulamenta a realização de abdominoplastia, outras cirurgias plásticas e assim por diante.

Ou seja, o médico só poderá encaminhar a solicitação ao plano de saúde após a confirmação se o seu caso é coberto pela ROL.

Nesse caso, se não houver pendências na solicitação, o plano geralmente autoriza o programa por aproximadamente 21 dias úteis.

Publicidade

Qual é o preço médio de uma abdominoplastia?

Se você não quiser esperar e quiser saber o custo médio da operação, observe que pode ficar entre R$20 até R$30 mil, dependendo do hospital e da equipe médica que realizará a operação.

Outras cirurgias plásticas realizadas pelo SUS

A abdominoplastia não é a única cirurgia coberta pelo SUS. Portanto, se desejar realizar uma recauchutagem geral, consulte a lista de procedimentos realizados pelo SUS.

  • Redução de estômago (bariátrica);
  • Cirurgia de desvio de septo;
  • Correção de orelhas muito abertas;
  • Cirurgia de correção de fendas palatinas;
  • Correção de lábios leporinos;
  • Redução de mamas, quando o tamanho do seio prejudica a coluna;
  • Aplicação de silicones, quando a mulher tiver o seio removido devido um procedimento estético.

Porém, vale lembrar no entanto, que os procedimentos realizados pelo SUS não cobrem cirurgias de cunho puramente estético, sem que tenha qualquer prejuízo a paciente.

Leia Também:

Melhores aplicativos gratuitos para medir a pressão

Veja como ficará o corte de cabelo antes de chegar no salão – Simule agora

Simule uma versão careca pelo aplicativo gratuito

Publicidade