Muitos cidadãos brasileiros podem ter dinheiro parado no governo e não tem a menor ideia disso. Será que esse seria o seu caso?

Se você quer saber mais sobre o tema, continue a leitura desse artigo.

Continua após a publicidade

Desde 2014 o Bacen (Banco Central) disponibiliza um sistema de relatórios financeiros online, chamado Registrato Bacen.

Com esse sistema o consumidor consegue verificar seus relatórios individuais relacionados às suas finanças no contexto do sistema fiscal do país.

Um exemplo, é a possibilidade de acessar seu histórico bancário e verificar contas antigas. Assim, o usuário descobre “valore esquecidos” ou se tem algum dinheiro parado no governo, e pode resgatá-lo.

Continua após a publicidade

De acordo com o site do BC, o usuário também consegue informações tais como empréstimos em seu nome, chaves Pix cadastradas, cheques sem fundos, dívidas com órgãos públicos federais, entre outras.

Como acessar o Registrato

Dinheiro parado
Registrato assegura a segurança e o sigilo das informações (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Anteriormente, o acesso ao Registrato do Bacen, se dava pelo próprio banco, seja por meio do aplicativo ou do internet banking. Contudo, essa alternativa não era universal para todos os tipos de instituições financeiras.

Em março de 2023, o Banco Central implementou uma mudança significativa, estabelecendo que acesso ao Registrato exclusivamente pela conta no portal Gov.com.

Passo a passo

Assim, você deve seguir os seguintes passos:

1. Acesse o site do BC e insira seu CPF. Caso não possua uma conta no sistema Gov.com ou necessite recuperar sua senha, informe seu CPF na página de acesso e preencha os dados pessoais solicitados.
2. Insira a senha do Gov (a mesma utilizada para acessar a carteira de habilitação digital ou carteira de vacinação).
3. Utilize o menu da página para selecionar o relatório desejado e clique em “Consultar”.
4. Aceite os Termos de ciência e responsabilidade e clique em “Gerar relatório”.

Continua após a publicidade

É importante destacar que o acesso a essa consulta está disponível apenas para usuários com contas Gov de nível prata ou ouro. Esses níveis variam conforme o grau de segurança e informações validadas no sistema.

Leia também Desenrola Brasil: Cuidado com golpes

Gostou desse artigo? Continue navegando por aqui