A beleza custa, mas às vezes não imagina o quanto. Em “O Mito da Beleza”, Naomi Wolf explora as estruturas nas quais as mulheres frequentam, o que as forçou a adotar padrões de beleza ilógicos e até perigosos.

A ideia de que uma mulher tira noções estéticas de um pequeno grupo de pessoas que, muitas vezes, pertencem a outros grupos sociais e até mesmo de nacionalidades diferentes criou um desequilíbrio que coloca em risco sua identidade.

Publicidade

Abordando problemas como anorexia e cirurgias plásticas, Wolf demonstra a realidade em que vivem bilhões de mulheres, porém algo tão simples como a maquiagem que usam diariamente é prova suficiente de como vivem esse mito da beleza.

Uma indústria multibilionária que pode arrancar até US$ 15.000 de um cidadão americano ao longo de sua vida tem muitos segredos, esses são apenas alguns que farão você reconsiderar antes de continuar a consumi-los.

Publicidade

1 – MUITOS PRODUTOS SÃO FRAUDES

Agora pode encontrar produtos hipoalergênicos e não comedogênicos, mas na realidade os testes para comprovar isso são mínimos e às vezes são termos que muitas empresas usam apenas para aumentar as vendas.

Existem também produtos anti-envelhecimento que são realmente caros e não têm nenhum motivo real para provar que produzem algo que pode ser chamado de anti-envelhecimento.

Publicidade

2 – TUDO SE RESOLVE COM PROTETOR SOLAR

Esses produtos que não funcionam têm um grande inimigo, o protetor solar. Embora já digam isso há anos, muitas pessoas ainda acreditam ser uma mentira, mas o protetor solar é o que realmente precisa usar diariamente.

Publicidade